20 de maio de 2024

PRF na Bahia divulga balanço da Operação Independência 2023

Por

Redação, sitepa4

Durante os quatro dias da operação, os policiais buscaram coibir condutas que potencializam a ocorrência de acidentes graves e com vítimas, além de conscientizar os usuários quanto à importância da obediência às leis de trânsito.


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) finalizou, às 23h59 deste domingo (10), a Operação Independência realizada nas rodovias federais que cortam a Bahia. A PRF intensificou a fiscalização e os esforços foram voltados à segurança viária, prevenção e redução da gravidade dos acidentes de trânsito e à garantia da mobilidade nas rodovias do país.

Durante as atividades de fiscalização e policiamento, a PRF na Bahia contou com reforço nas equipes e concentrou seu efetivo ao longo dos principais pontos de acidentalidade e incidência de práticas criminosas.

No decorrer dos quatro dias de operação 3.470 veículos foram fiscalizados e cerca de 4.123 pessoas foram abordadas em ações de policiamento da PRF nas rodovias federais da Bahia.

Segurança viária

Durante as abordagens, os policiais buscaram conscientizar motoristas e passageiros a respeito de condutas prudentes no trânsito, como por exemplo, a importância do uso do cinto de segurança, da acomodação correta das bagagens, do bom estado de conservação e regularização do veículo e, claro, da obediência às leis de trânsito.

Os policiais prestaram auxílio a 65 motoristas que tiveram problemas mecânicos ou se envolveram em acidentes sem vítimas durante a viagem. Além disso, as equipes reduziram os riscos de acidentes ao retirarem das rodovias 75 animais que estavam soltos.

Apesar de todo o trabalho educativo, muitas pessoas se arriscaram e colocaram a vida de outras pessoas também em risco. Nestes quatro dias de atividades a PRF BA emitiu 2.148 notificações referentes a infrações diversas.

A pressa também fez muita gente ultrapassar de forma proibida. De 07 a 10 de setembro foram emitidos 469 autos desse tipo de infração, representando aproximadamente 5 flagrantes por hora de operação. Esse tipo de ultrapassagem é responsável pela maioria dos acidentes do tipo colisão frontal, onde o motorista não consegue efetuar em tempo a manobra de ultrapassagem ou força a ultrapassagem, colidindo frontalmente com o veículo que está trafegando no sentido contrário.

Para evitar a violência no trânsito, os policiais intensificaram a fiscalização preventiva e no que se refere aos testes de alcoolemia, foram realizados 2.307 testes com etilômetro (aparelho utilizado para aferir a quantidade de álcool ingerido pelo condutor, conhecido popularmente como bafômetro). Apesar da ampla divulgação para que o condutor não misture bebida e direção, foram flagrados 89 motoristas sob efeito de álcool, nas modalidades recusa e constatação, 03 desses condutores foram presos e autuados em flagrante por embriaguez ao volante.

O uso dos equipamentos de segurança obrigatórios também estiveram no foco das fiscalizações. A PRF emitiu 52 autos de infração para motociclistas ou passageiro sem capacete. Obrigatório não só para o motorista, mas também para todos os ocupantes do veículo, o cinto de segurança, ou melhor, o não uso dele gerou 143 autuações. Quando o alvo das fiscalizações foi a criança sem cadeirinha, 26 autos foram emitidos.

No esforço da PRF para reduzir os riscos de acidente, foram recolhidos 66 veículos com problemas em equipamentos obrigatórios, documentação e mau estado de conservação.

A PRF ressalta que a promoção de um trânsito mais seguro depende principalmente do apoio da sociedade. É preciso que todos obedeçam às leis de trânsito, tenham cautela ao conduzirem os seus veículos e tomem atitudes que promovam a segurança viária. No trânsito, escolha a vida!

Acidentes, feridos e óbitos

Em relação ao mesmo período do ano anterior, apesar do aumento no número de acidentes totais, a PRF na Bahia registrou uma redução no número de acidentes graves, 17 em 2022 contra 15 este ano de 2023. Este ano, 05 pessoas morreram durante o feriado nas rodovias baianas, mesmo número do ano passado. Foram registrados 47 acidentes durante todo o período.

Os óbitos foram registrados em trechos: BR 116 (03 mortes); BR 101 (01 morte); BR 242 (01 morte).

Enfrentamento a criminalidade

A expertise policial permitiu realizar trabalhos de prevenção e manutenção da segurança viária e da mobilidade, sem deixar de lado as atuações no combate à criminalidade.

Para o combate, especialmente, de crimes como o tráfico de drogas, o contrabando de cigarros e crimes violentos, a Operação Independência foi pautada, além de informações qualificadas de inteligências, por dados estatísticos consolidados.

Além disso, a operação também contou com policiais capacitados e especializados. Durante os dias de atividades, a PRF na Bahia registrou 43 ocorrências policiais, que resultaram em 36 pessoas detidas por diversos crimes. As abordagens resultaram ainda na recuperação de 11 veículos roubados, mais de 130 kg de drogas retiradas de circulação e no resgate de mais de 400 aves silvestres.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!