17 de abril de 2024

Uma orquestra para Paulo Afonso

Por

REDAÇÃO - PA4.COM.BR

O maestro João Carlos Martins se dispõe a assessorar prefeitos na formação de uma orquestra sinfônica de jovens nos municípios brasileiros. Foto: Divulgação.



 

 

O maestro João Carlos Martins foi um grande pianista. Até que uma inexplicável doença nas mãos lhe aconteceu. Os dedos se tornaram rígidos. As várias cirurgias apenas atenuaram os sintomas. O João Carlos pianista se tornou maestro.

 

Passei boa parte da minha infância e adolescência nos bastidores de uma orquestra. O meu pai tocava contrabaixo na Orquestra Sinfônica da Universidade Federal da Bahia (o meu tio pelo lado materno tocava flauta). O meu irmão, que era um excelente zagueiro nos babas de rua e nos campos dos vales de Salvador, não conseguia entender que eu, de bom grado e boa-fé, acompanhava o meu pai nos ensaios e nos concertos naquele tempo no salão nobre da Reitoria da Universidade.

 

Francisco Nery Jr.

Foi lá que conheci o maestro Carl Reuter, vi a mão quase perdida do violoncelista Walter Smetak e fui apresentado ao ator da hora Geraldo Del Rey. Smetak havia tentado “estender” o alcance dos dedos para os acordes do instrumento, o que lhe causou brutal infecção. De Carl Reuter, a lembrança, quase trauma, do banho de cuspe que tomei. Dessa vez o ensaio acontecia na Concha Acústica do teatro Castro Alves e ventava muito. Sobrou pra mim segurar as partituras do maestro que, de cima para baixo, num txu-txu-txu sem fim, lançava em minha direção uma nuvem aterradora de partículas de saliva. Em casa, o banho mais demorado que já tomei na vida.

 

O mundo da música é simplesmente encantador. Aprende-se a gostar de música clássica. É uma questão de educar o ouvido e aprimorar o gosto. Assimilando o gosto pela boa música, o leitor jamais tolerará zoada e barulho. Navegará nos acordes dos temas clássicos e apreciará os doces sambas dos velhos mestres dos morros do Rio de Janeiro.

 

Pois o maestro João Carlos Martins se dispõe a assessorar os senhores prefeitos na formação de uma orquestra sinfônica de jovens nos municípios brasileiros. Para isto foi elaborado um projeto e já existem orquestras em 150 municípios. Os testemunhos de transformação e de aproveitamento dos jovens são encorajadores.

 

O maestro costuma pegar o telefone e ligar para o prefeito da cidade. Quando ligar para o nosso prefeito, esperamos que a resposta seja imediatamente um grande e redondo SIM.

 

Francisco Nery Júnior







WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Comentários 1

  1. Nativo OBSERVADOR says:

    Parabéns, Prof. Nery!
    Que esse político em fim de carreira, atual prefeito de Paulo Afonso, seja incomodado a fazer algo de bom pelos jovens, em situação de um pé nas drogas e o outro na criminalidade.

    #digasimorquestradepa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!