27 de maio de 2024

CRÔNICA – Gentileza gera gentileza (Francisco Nery Júnior)

Por

Redação, sitepa4

Por Francisco Nery Júnior

Existem situações ou problemas relativamente fáceis de serem resolvidos. Questionado se eu era a favor ou contra a liberação do porte de maconha para consumo, disparei a minha resposta: Pra início de conversa, pra que consumir maconha? Outra assertiva fácil de entrar na nossa cabeça é que gentileza gera gentileza. O professor Hélio Rocha uma vez afirmou que os maus não são bons porque os bons não são melhores. E mesmo existe no Rio de Janeiro o Profeta Gentileza, José Datrino, que se propôs, a partir do incêndio de um circo em Niterói em 1961, a levar palavras de consolo aos necessitados.

Ao colocar um pouco de compostagem em uma das árvores da cidade, sujei, sem querer evidentemente, uma carrocinha de frete de um cidadão. Foram apenas dois ou três pingos perdidos que, nem por isso, evitaram a cara feia do proprietário, trabalhador responsável de um Brasil que teima em não se desenvolver.

Fingindo não ter notado, retomei o caminho de casa. Alguns metros adiante, me senti na obrigação de retornar ao local da adubação. Era em frente a um supermercado de porte de Paulo Afonso. Entrei, comprei uma garrafa de água mineral e “lavei” o carrinho peça-chave do ganha-pão do jovem trabalhador. Isto feito, caminhei até ele e, sem afronta, com uma calma estudada, lhe comuniquei o que havia feito – com água mineral!

O resultado, a reação ou a consequência foi fulminante: “Oh, vá desculpando. Eu pensei que era óleo queimado que o senhor estava descartando”. O ar carrancudo anterior tinha dado lugar a um sorriso de clemência ou mesmo de perdão.

Creio ter conquistado um novo amigo e ter constatado a máxima segundo a qual gentileza gera gentileza.

P.S. Não obstante, pretendo lhe censurar uma falha: na eventualidade de alguém ser visto colocando óleo queimado na base de uma árvore, ou outra substância nociva – que pode matá-la -; qualquer cidadão deve chamar a polícia. Matar uma árvore é caso de polícia!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!