27 de maio de 2024

“Minha ira foi com o descaso da prefeitura e em defesa do povo da Prainha”, diz vereador Ozildo Alves

Por


Uma matéria veiculada em alguns meios de comunicação de Paulo Afonso defendendo a Prefeitura Municipal e convenientemente com o objetivo de apenas prejudicar o Vereador Ozildo Alves (PTN), que tem sido combativo em relação à fiscalização dos atos do poder executivo, cumprindo tão somente um dos deveres do legislador municipal, foi publicada com “claros fins de confundir o leitor”.


 


É que logo após o vereador Ozildo Alves ter mostrado no seu Portal de Notícias (Site) as graves denúncias de descaso com a educação do município verificadas na Escola Municipal Vinícius de Moraes, Jardim Bahia, onde havia salas de aula com até 69 alunos, ventiladores e carteiras quebradas e alunos até mesmo disputando cadeiras, coincidentemente, a prefeitura resolveu proibir os acessos aos sites para os seus funcionários. A medida foi tomada há quase 20 dias e somente essa semana, num momento de indignação, Ozildo rapidamente comentou o assunto em seu programa de rádio.


 


Compare o que foi publicado por uma pequena parte da imprensa eletrônica de Paulo Afonso com o que foi dito pelo vereador Ozildo Alves:


 


A matéria distorce o fato ao trazer em seu título “vereador defende uso de equipamentos públicos para fins particulares”, em momento algum de sua fala, Ozildo disse isso (ouvir áudio abaixo). O texto segue: “O motivo da revolta dessa vez foi em relação a medida adotada pela prefeitura de suspender o acesso a sites particulares durante o expediente de trabalho. Isso foi o bastante para provocar a ira do vereador.”


 


O vereador Ozildo Alves deixa claro que a “ira” noticiada, que na realidade foi tão somente um desabafo ocasionado pela revolta com o abandono da administração municipal das famílias menos favorecidas do bairro Prainha.


 


Isso aconteceu na última segunda-feira (14), em seu Programa de Rádio Tribuna do Povo (104,9FM), o vereador Ozildo Alves (PTN), ao receber uma ligação de uma ouvinte, Dona Zilma, moradora da Rua Adair Pereira Leite – Bairro Prainha – ficou indignado com o descaso da prefeitura mediante o clamor dos cidadãos daquela rua, que vêm sofrendo com constantes alagamentos, lama e buracos. Donas de casa e crianças que com o problema, se quer conseguem sair de suas casas, uma vez, que ficam ilhadas, como mostram as imagens abaixo.


 


Em tom de revolta, no meio do diálogo com a ouvinte, o vereador Ozildo disse que estaria publicando em seu site as “vergonhosas imagens” para ver se o prefeito ou o secretário se sensibilizariam com a situação. Foi nesse momento que Ozildo rapidamente abordou o assunto, apenas para ilustrar as tentativas do governo em não mostrar seus erros. Ouça o ÁUDIO:



 


CLIQUE AQUI  e ouça a conversa de Dona Zilma com  Ozildo Alves


 


“É uma pena que o que deveria ser publicado não foi, ou seja, a triste situação dos moradores dessas ruas lá da Prainha, que tanto necessitam do apoio da imprensa”, disse o vereador Ozildo.


 


O vereador Ozildo afirmou que continuará firme em acompanhar e fiscalizar as ações públicas, além de seguir trabalhando em prol do bem comum, principalmente dos menos assistidos, seja através do seu ombro amigo ou em projetos/proposições, como no caso do RONDA NO BAIRRO, instalado no BTN devido indicação de sua autoria e que vem reduzindo consideravelmente a criminalidade naquele bairro.


 


Veja a situação das ruas do Bairro Prainha:


 


Rua Adair Pereira Leite – Bairro Prainha – Segunda-Feira (14/03/11)



 




Construção da Senhora Fátima



 



 



Uma matéria veiculada em alguns meios de comunicação de Paulo Afonso defendendo a Prefeitura Municipal e convenientemente com o objetivo de apenas prejudicar o Vereador Ozildo Alves (PTN), que tem sido combativo em relação à fiscalização dos atos do poder executivo, cumprindo tão somente um dos deveres do legislador municipal, foi publicada com “claros fins de confundir o leitor”.


 


É que logo após o vereador Ozildo Alves ter mostrado no seu Portal de Notícias (Site) as graves denúncias de descaso com a educação do município verificadas na Escola Municipal Vinícius de Moraes, Jardim Bahia, onde havia salas de aula com até 69 alunos, ventiladores e carteiras quebradas e alunos até mesmo disputando cadeiras, coincidentemente, a prefeitura resolveu proibir os acessos aos sites para os seus funcionários. A medida foi tomada há quase 20 dias e somente essa semana, num momento de indignação, Ozildo rapidamente comentou o assunto em seu programa de rádio.


 


Compare o que foi publicado por uma pequena parte da imprensa eletrônica de Paulo Afonso com o que foi dito pelo vereador Ozildo Alves:


 


A matéria distorce o fato ao trazer em seu título “vereador defende uso de equipamentos públicos para fins particulares”, em momento algum de sua fala, Ozildo disse isso (ouvir áudio abaixo). O texto segue: “O motivo da revolta dessa vez foi em relação a medida adotada pela prefeitura de suspender o acesso a sites particulares durante o expediente de trabalho. Isso foi o bastante

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!