20 de maio de 2024

“Saidinha bancária”, a mais nova “onda” dos assaltantes de Paulo Afonso

Por


“Segunda-feira (01/11), 17h00min, uma jovem, vendedora de jóias, ao sair da caixa econômica, sem perceber é seguida… Marginais armados a acompanhavam desde a sua saída do Banco. Mais a frente, ao entrar na Praça das Mangueiras é rendida, têm documentos, jóias e dinheiro roubados…”




Esse foi o relato de um dos emails recebidos a nossa redação, sobre a violência em Paulo Afonso. O pior deste assalto, não é o dinheiro, jóias ou os documentos roubados. Mas o trauma que essa situação trás.


Essa jovem, que não quis se identificar, nunca mais irá andar sozinha… Nossa linda Praça das Mangueiras trará recordações de agonia e medo todas as vezes que passar por lá. Contudo, esse drama já foi sentido por várias pessoas em nossa cidade:





No dia 28 de setembro, Henrique Ferreira Portela, 23 anos, foi preso por abordar suas vítimas, depois que elas sacavam dinheiro nos caixas eletrônicos do Bradesco, que fica localizado na Praça Abdon Senna, no Centro de Paulo Afonso. Com ele foram pegos R$ 400,00 reais.





O crime, essa nova “onda”, está tornando-se cada vez mais constante e apesar dos esforços da Policia Militar na prevenção desse crime, a “engenhosidade” dos criminosos não tem limite. Atacam dada vez mais, mesmo com o aumento do policiamento ostensivo na região.




Vale lembrar também que alguns cuidados se fazem necessários na prevenção dessa nova “onda”:


– Nunca faça grandes saques de dinheiro na boca do caixa. Converse com o gerente da agência e  solicite a contagem do dinheiro em uma sala reservada. 

– Em caso de suspeito ao celular, no interior da agência, avise ao segurança.

– Se possível, evite sacar todo o dinheiro do salário ou da aposentadoria em um único dia. O ideal seria gradativamente, a medida do vencimento das contas.

– Não deixe a agência sozinho, evite engarrafamentos no trajeto para casa.

– Desconfie da perseguição de moto ou de carro, depois que você deixou a agência. Procure uma delegacia próxima ou uma viatura e informe sobre a perseguição.



    Não obstante, é bom lembrar que nunca se deve reagir a assaltos e procure a delegacia mais próxima para o registro da ocorrência. 


    WhatsApp

    Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

    VEJA MAIS

    COMENTÁRIOS

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    WhatsApp

    Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

    WhatsApp

    Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!