29 de maio de 2024

Enem: 428 mil candidatos baianos farão a prova no fim de semana

Por

A Bahia é o terceiro Estado com o maior número de candidatos inscritos no Exame Nacional de Ensino Médio (Enem)  deste ano, cujas provas vão acontecer nos próximos sábado e domingo, 6 e 7 de novembro, respectivamente. São 428 mil candidatos que concorrem a vagas em universidades de todo o País, atrás apenas dos estados de São Paulo (827.818 inscritos) e Minas Gerais (538 mil).


A novidade deste ano é que o candidato poderá escolher, além das faculdades particulares, cursar em uma das 59 universidades federais do Brasil, sendo que 35 delas já adotaram o modelo de exame como única forma de seleção em substituição ao vestibular tradicional. A Universidade Federal da Bahia (Ufba), no entanto, não adotou a substituição, e o Enem só serve como fase única somente para os cursos de bacharelado interdisciplinar (artes, ciências e tecnologia, humanidades e saúde).


Quem ainda não recebeu a carta de confirmação, que já foi enviada aos endereços dos inscritos, deve procurar o site do Enem (clique aqui para acessar) e procurar seu local de provas. A carta informa ainda que, diferentemente dos anos anteriores, o aluno deve levar apenas uma caneta preta.


O Ministério da Educação (MEC) estimula a mobilidade acadêmica e induz a reestruturação dos currículos do ensino médio. De acordo com o MEC, mais de um milhão dos candidatos têm entre 16 e 17 anos e pelo menos 70 mil são menores de 16 anos. Acima de 18 anos, o órgão acredita que exista cerca de meio milhão de inscritos. Já 1,5 milhão dos candidatos estão na faixa etária entre 21 e 30 anos. Maiores de 30 anos são 391 mil.


Ainda conforme o MEC, mais da metade dos inscritos já finalizou o ensino médio, ou seja, cerca de 2,7 milhões dos 4,6 milhões candidatos de todo o País. Ainda cursa o 3º ano do 2º grau cerca de 1,3 milhão, sendo que 1,1 milhão é oriundo de escolas públicas.


A prova também será realizada em mais de 600 unidades prisionais e socioeducativas do País. A estrutura da avaliação será a mesma da realizada em novembro: quatro provas objetivas, com 45 questões de múltipla escolha, e uma proposta de redação. Ocorrerão nos dias 6 e 7 de dezembro.


Estímulo – A diretora do Colégio Oficina, localizado na Pituba, Lurdinha Viana, relata que a maioria dos cerca de 150 alunos do terceiro ano do 2º grau deve fazer Enem. E a recomendação é dada pelos próprios professores e pela direção. “Estimulamos muito os alunos a fazerem o Enem, que tem um processo seletivo diferente”, explica.


Ela adianta, no entanto, que o aluno deve acabar com essa ideia de que a prova é mais fácil por ter mais questões de habilidades do que o conteúdo formal. “É uma prova que testa as habilidades do aluno na leitura, na escrita, na interpretação não só textual, como linguístico, lendo textos, imagens, infografias. Exige do aluno análise e crítica, sem deixar de lado o conteúdo formal, com questões de química, física, por exemplo”, diz.  Para a diretora, não existe uma preparação emergencial para os candidatos se sentirem aptos a realizar a prova. “É uma preparação contínua”, diz.


A estudante de 3º ano Mirna Cerqueira, 17 anos, é uma das candidatas a uma vaga pelo Enem.  A candidata escolheu concorrer a uma vaga na Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR) e na Universidade de São Paulo (USP),  ambas no Estado de São Paulo, pois não encontrou o curso de gestão ambiental na Bahia. “É uma seleção mais abrangente e ao mesmo tempo mais completa. É um processo seletivo que pode ser feito em qualquer lugar”, lembrou. Ela também acredita ser preciso estar atualizado e bem informado.


Dicas para fazer uma boa prova


Atenção – Esteja sempre atento a todos os elementos do enunciado, como gráficos, imagens, depoimentos e textos em aspas. Eles são importantes para você interpretar melhor a questão, por isso estarão lá.


Redação – Redação vale 50% da prova. Sem texto escrito e com até sete linhas, será considerada em branco. Com texto fora do espaço delimitado, impropérios, desenhos, será considerada anulada. Evite verbo no título e inicie com a introdução com no máximo 4 linhas, em seguida escreva pelo menos três argumentos e conclua com uma proposta para o problema discutido.


Estresse – No dia anterior da prova, evite passar noites em claro. Procure fazer algo prazeroso, mas, acima de tudo, relaxante. Durma e alimente-se bem, evite refrigerantes de cola e café.


Idioma – Na mesma prova, haverá as questões de  inglês e espanhol com numeração igual e gabaritos diferentes. Na hora de marcar na folha de resposta, fique atento ao gabarito e marque o idioma que você escolheu.


Tempo – Se possível, conheça o lugar onde realizará sua prova um dia antes. E chegue cedo.


Alimentação – Mantenha uma dieta equilibrada, consumindo alimentos dos quatro grupos alimentares (carboidratos, frutas e legumes, proteínas e gorduras). Beba água com frequência. Beber água equilibra a hidratação do corpo e evita crises de gastrite, muito comuns nesta fase. Beba de 8 a 10 copos/dia. Não fique muito tempo em jejum. Faça um lanchinho entre as refeições principais. O ideal é comer uma fruta ou barra de cereais. 

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!