5 de julho de 2022

Marconi questiona permanência da Viação Atlântico em Paulo Afonso

Por

Assessoria de Comunicação

A situação precária do transporte público de Paulo Afonso foi pauta discutida durante a sessão da Câmara de Vereadores da cidade nesta segunda-feira, 09. Parlamentares estiveram reunidos com o secretário municipal de Administração, Cleston Andrade Cavalcante, para discutir este que vem se tornando um grande problema na vida do pauloafonsino.

“Paulo Afonso vive hoje um problema crônico, é assim que podemos classificar o transporte público no município. É um péssimo serviço, com veículos sucateados, que sempre apresentam problemas, além da longa demora por um coletivo nos pontos. O fato é que a empresa faz descaso até com a questão da acessibilidade que é um direito”, disse Marconi.

Por inúmeras vezes, o vereador Marconi foi à tribuna para denunciar as queixas da população sobre a empresa que em abril do ano passado teve um reajuste de 33% na tarifa, saindo de R$ 3 para 4 reais. “A Atlântico teve o maior reajuste tarifário do estado da Bahia e, em contrapartida, a empresa vem propondo um verdadeiro desserviço ao povo que tira do bolso R$ 4 reais para andar em veículos sucateados. R$ 4 reais é o valor da tarifa em capitais como Aracaju, Natal e Teresina. Eu chamo atenção porque em capitais maiores que essas, como Maceió, Recife, São Luís e Fortaleza, a tarifa é menor, varia entre R$ 3,75 a R$ 3,35. São valores deste ano, estou trazendo o valor exato. Não entendo o porque de Paulo Afonso ter uma tarifa tão cara sendo que o serviço oferecido é de péssima qualidade”, disse Marconi.

Em janeiro deste ano, após diversas tentativas com a empresa e a prefeitura, sem solução, o parlamentar recorreu ao Ministério Público Estadual (MPE), em Salvador, onde protocolou ofício pedindo informações sobre a empresa como a idade dos veículos; idade média inicial da frota; ano e tempo de uso; quantidade de veículos circulando; itinerários; horários e rotas, além de que a empresa cumpra com suas obrigações estabelecidas na proposta de edital de licitação para atuar no transporte público da cidade.

“Em todo esse tempo não houve da empresa Atlântico nenhum esclarecimento em relação a substituição da frota zero quilômetro por ônibus que estão apresentando problemas e trazendo uma série de transtornos à população. O povo quer saber onde foram parar os veículos zero quilômetro, porque na cidade só vemos veículos que foram reformados circulando. Fica a pergunta”, questionou durante a sessão.

Marconi abriu a discussão sobre a possibilidade de uma nova licitação no transporte público de Paulo Afonso para colocar em atividade uma nova empresa. “No passado, se reclamava da Vitran e da Aratu e elas deixaram de operar porque não estavam cumprindo com o prometido em contrato e porquê que esta mesma cena se repete com a Atlântico? Se a Atlântico está deixando a desejar, porque ela continua? No contrato da Atlântico, está lá que ela tem que oferecer ar condicionado e internet WiFi, isso não vem ocorrendo. Estão querendo por a culpa do péssimo serviço prestado na pandemia, mas o fato é que o problema é outro. Porque trocaram os veículos novos por uma frota sucateada?”, questionou.

O vereador disse ainda que: “a população do Jardim Bahia é a mais lesada. Elas arriscam as suas vidas todos os dias. Por inúmeras vezes presenciei ônibus quebrado, pessoas que iam ao trabalho e foram prejudicadas, em outro momento o pneu do coletivo chegou a explodir com o ônibus em movimento. Quero deixar claro que em nenhum momento estamos aqui fazendo política, mas sim fazendo o nosso papel, que é de ouvir as queixas do povo e lutar por melhorias. E assim estamos fazendo. Precisamos resolver de uma vez por todas esse problemas. Estamos virando piada em toda Bahia e em cidades do interior alagoano. O povo de Paulo Afonso precisa voltar a ter a sua dignidade que foi perdida”, finaliza.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!