13 de agosto de 2022

Falso líder religioso é denunciado pelo PM por estupro de vulnerável e violência sexual na BA

Por

Redação (pa4.com.br) com g1

 

O homem que se passava por líder religioso identificado como Claudimilson Ferreira Rodrigues foi denunciado pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA) pelos crimes de estupro de vulnerável contra uma vítima e violência sexual mediante fraude cometida contra outras cinco pessoas. Ele foi preso em maio, por suspeita de estuprar 40 adolescentes na cidade de Barra, no oeste da Bahia.

A decisão foi publicada pelo MP-BA na quarta-feira (4) e se estende também para a auxiliar do homem, Mônica Barbosa dos Santos. A mulher é suspeita de persuadir as vítimas para que os estupros fossem cometidos.

Segundo o promotor Romeu Coelho Filho, autor da denúncia, o homem utilizava a condição de superior hierárquico de líder religioso e a utilizava o “poder” de influência para aplicar fraudes sexuais em adolescentes e mulheres que frequentavam a instituição.

Conhecido como “Pai Café”, ele usava os trabalhos religiosos para cometer crimes sexuais. De acordo com o MP, os delitos foram cometidos entre 2017 e 2022. Entre as vítimas, estava uma adolescente que à época tinha 14 anos.

Ainda segundo o órgão, Mônica era intitulada como “Mãe Pequena” e auxiliava o suspeito ludibriando as vítimas com promessas espirituais e ameaças sobrenaturais.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!