10 de agosto de 2022

Policiais civis paralisam atividades por 48h na Bahia

Investigadores e escrivães da Polícia Civil paralisam as atividades nesta terça-feira (6) e na quarta-feira (7). O cidadão que precisar ter acesso aos serviços durante a paralisação de 48 horas deverá procurar os delegados titulares das delegacias territoriais e especializadas, que estarão abertas.

Será mantido 30% do efetivo trabalhando no atendimento para prisão em flagrante, levantamento cadavérico, crimes contra a criança e contra a vida, durante a paralisação.

Nas sedes da Central de Flagrantes e do Plantão Central, na Avenida ACM, região do Iguatemi, também poderão ser feitos registros de qualquer ocorrência policial. A 5ª Delegacia (Periperi) também estará atendendo as ocorrências encaminhadas por guarnições da PM.

Outra opção para a população é a Delegacia Digital — www.delegaciadigital.ssp.ba.gov.br — para o registro de furto ou roubo de veículos, arrombamentos de casas comerciais e residenciais, dentre outras.

Os policiais reivindicam reajuste salarial, pagamento da URV, e aposentadoria especial para homens e mulheres. Segundo o secretário-geral do Sindicato dos Policiais Civis (Sindpoc), Bernardino Gayoso, a categoria também elaborou um modelo de Segurança Pública que será apresentado do governo do Estado para aprovação.

“A Constituição estabelece que policiais podem se aposentar quando completam 30 anos de contribuição (previdência), independente da idade, recebendo 80% do seu soldo. No entanto, na atual base cálculo do estado, colegas estão recebendo 47%”, disse o presidente do sindicato da categoria, Marcos Oliveira.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!