13 de agosto de 2022

Impunidade em P.A: ‘Anos se passam e justiça é o que se busca’; desabafa família

Dia 15 de março se estivesse conosco, Fabíola completaria 37 anos de vida. Vida essa que foi interrompida de forma covarde e cruel, por motivo banal. Os irmãos Anderson Caetano (assassino) e André Caetano (cúmplice) colocaram fim às vidas de Fabíola e do seu bebê, pois estava grávida. Ceifaram os sonhos de Fabíola e da sua família.

Que onde Fabíola estiver tenha luz, acreditamos que o céu está em festa nessa data e que ela possa descansar em paz e a justiça seja feita, visto que o crime vai completar 3 anos e ainda caminha IMPUNE.

Fabíola deixou um filhinho que hoje está com 9 anos que presenciou o crime e que nunca esquece. O que a família e a sociedade esperam é que seja feito Justiça.

Família de Fabíola

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!