6 de julho de 2022

Acidente de trânsito em Portugal mata jovem de Paulo Afonso

Uma colisão entre um táxi e um caminhão de coleta de lixo deixou na última sexta-feira (29) à noite, três mortos e um ferido grave. O acidente ocorreu por volta das 23h10min (horário local) e 20H10min (hora de Paulo Afonso).  


 


Entre as vítimas fatais estava o jovem de Paulo Afonso Carlos Daniel Júnior, popularmente chamado de Carlinhos, 30 anos. O acidente ocorreu numa estrada da localidade de Cascais, próximo a Lisboa em Portugal, onde Carlinhos trabalhava há 09 anos.


 


Carlinhos, que costumeiramente fazia questão de passar suas férias em sua terra natal, era um dos quatro filhos homens do casal Carlos Daniel e Cida. Os outros irmãos são: Marcos, Mardo e Márcio. A família muito conhecida em Paulo Afonso reside na Rua da Gangorra – Acampamento Chesf.


 


Durante todo o domingo, um grande número de parentes e amigos fez questão de levar abraços e palavras de conforto para os pais e irmãos de Carlinhos, que estão agora aguardando com muita angústia e tristeza, o translado do corpo, que será sepultado aqui mesmo em Paulo Afonso. O rapaz era considerado um dos mais amados, animados e carismáticos da família.


 


Em entrevista ao site www.ozildoaloves.com.br, Mardo David, um dos irmãos, informou que “Carlinhos era muito querido na empresa onde trabalhava, hoje mesmo, todos os funcionários pararam para prestar uma homenagem silenciosa para ele, pelas ruas de Lisboa”. Sobre o acidente, Mardo disse que foi uma fatalidade “Meu irmão coordenava uma equipe da empresa, na sexta-feira, dia do acidente, o motorista faltou ao serviço e ele mesmo teve que substituí-lo, outros dois funcionários o acompanharam na cabine do veículo. A estrada onde tudo aconteceu é muito estreita, um carro tentou ultrapassar o caminhão e no sentido contrário vinha um táxi, meu irmão ao tentar desviar dos veículos perdeu o controle e colidiu com um poste de energia elétrica. Infelizmente os três morreram na hora”.


 


O acidente segundo versão de um jornal português


 


“Estava a tomar café quando ouvi um grande estrondo. Pouco depois vi passar as ambulâncias. Tive logo curiosidade de ir ver o que se passava e nem queria acreditar naquilo. Parecia o Inferno.” É assim que Jorge Monteiro recorda o brutal acidente que anteontem à noite provocou a morte a três trabalhadores da EMAC, empresa de Ambiente de Cascais.


 


Os homens, dois brasileiros e um romeno, todos de 30 anos, seguiam num caminhão de coleta do lixo, cerca das 23h00, quando, o caminhão bateu no carro que tentava ultrapassar, despistou-se e acabou por chocar de frente num poste de eletricidade.


Dois trabalhadores foram logo projetados para o meio da via, enquanto o condutor (Carlinhos) ficou esmagado contra o poste – que se alojou no meio da cabine do caminhão. Com a violência do embate, o poste foi arrancado do chão e arrastado cerca de dez metros.


 


“Foi horrível. Não tive coragem de olhar para os corpos. Foi um verdadeiro pesadelo”, continua Jorge Monteiro. Quanto ao condutor do táxi, foi transferido para o Hospital de Cascais, com escoriações.


 


Os corpos só foram retirados já de manhã, perto das 07h00 de ontem. No local estiveram três corporações de bombeiros, vários agentes da PSP e a Proteção Civil.


 


 


A familia informa que quem quiser deixar uma mensagem, envie para o orkut dele: http://www.orkut.com.br/Main#Profile.aspx?uid=2832351655945504181


 


Link do vídeo de um telejornal local sobre o acidente: Link do vídeo: http://sic.aeiou.pt/online/video/informacao/noticias-pais/2009/5/colisao-mortal-em-cascais.htm

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!