13 de agosto de 2022

‘Revoada’ na prefeitura de Paulo Afonso; veja 10 ‘pérolas do senadinho’

“Somos todos iguais perante as leis, mas não para os encarregados de fazê-las cumprirmos!” Stanislaw Ponte Preta.

“Tragédia Anunciada!”
Essência artificial da quintessência da beleza natural do “Cannyon” do rio São Francisco, a sexagenária ponte D. Pedro II, agonizante, pede socorro. Sem estrutura e logística para o aproveitamento turístico do expoente cartão postal da cidade, em intenso tráfego leve e pesado, as pessoas arriscam suas vidas para a contemplação da obra de Deus e sua criatura, o homem, que requer manutenção urgente em suas partes metálicas e segurança para os transeuntes e turistas, haja vista a impressão do aumento de suas fendas para quem transita todos os dias, há muito tempo, sobre seu leito. Aliás, quando foi feita a última revisão da antiga construção que suscita o imperador? Até quando abusarão da imprudência e negligência administrativas?

“O Pica Pau!”!
Tempos atrás o Governo Municipal, ao vender o espaço para apresentação de bandas de forró ao lado do Ginásio de Esportes contribuiu sobremaneira para o corte de diversas árvores frondosas, ficando a área quase pelada. Recentemente, o atentado ao meio ambiente foi no Colégio João Bosco onde até o ipê amarelo em extinção não sobreviveu e nas árvores próximas ao apagado Parque de Exposições que deixou a entrada da cidade mais feia, e as pessoas sem sombra no sol escaldante de Paulo Afonso. A “síndrome do Pica Pau”, o anti herói dos desenhos animados que adora destruir as plantas, parece ter contagiado a Administração Municipal que, parece, faltar-lhe só a sarcástica gargalhada do predador, ora pois pois, como diz o gajo nas plagas lusitanas…

“Revoada”
Após as demissões voluntárias dos secretários Gilberto Sérgio, Jacques Fernandes e do diretor de Indústria e Comércio, Luís Valdélio, todos do mundo científico da renomada FASETE, além dos engenheiros Zorababel e Wilson Pereira, o Inferno de Dante, no figurado, parece conspirar contra o prefeito de Paulo Afonso que perde recursos humanos imprescindíveis para a Administração Municipal, e não consegue substituição à altura para minimizar as deficiências gritantes de sua questionada gestão que encontra-se no “purgatório” do poeta italiano e ainda não disse para que veio. O lenitivo do povo é que “temporal e guerra não duram para sempre”. A atual gestão também não…

E por falar no “O Inferno de Dante”,
A denúncia do Ministério Público, ação penal pública ajuizada pelo CAP (Núcleo de Investigação de Crimes atribuídos a Prefeitos), foi considerada procedente pelo Tribunal de Justiça da Bahia, possibilitando o processo judicial contra o prefeito de Paulo Afonso denunciado por crime de responsabilidade no favorecimento de R$ 723.250,00 a empresários do setor artístico, atropelando acintosamente a Lei 8.666/93, das Licitações, fato denunciado pelo site ozildoalves.com.br em setembro de 2011. “Quem muito faz e arrisca, um dia, felizmente, o demônio o petisca!”

Enfim… Juntos?
Em fim de carreira política pela ordem natural das coisas, o comunista/vereador Regivaldo Coriolano, segundo publicação de um site local, deverá apoiar o petista Paulo Rangel, aliado do seu histórico adversário Anilton Bastos, DEM/PDT, esquecendo-se de suas incoerências com o deputado estadual que o alijou do seu “projeto” político logo após ser reeleito para o Legislativo da Bahia, com sua relevante ajuda nas eleições de 2010. Certamente, na contramão de sua histórica coerência ideológica, ao se unir indiretamente ao prefeito de Paulo Afonso através de Rangel, Regivaldo jogará pela janela tudo que praticou em seus trinta anos de homem público. Sem dúvidas, nesta perspectiva eleitoreira e supostamente venal, o fim não coroará sua obra na Política…

“Loucos no Trânsito!”
Motoristas, caminhoneiros, pedestres, motociclistas, moto táxis, carroceiros e outros afins, em dias de sexta e sábado na Avenida Contorno e suas afluentes, sentem a confusão geral quando, sem fiscalização, a “lei De Gérson” impera no Trânsito em frente a cobertura VPI da feira, do ultrapassado CEAPA e dos mercados Santa Luzia e DM, todos querendo chegar primeiro na luta do dia a dia. Como sugerido por um ouvinte no programa RADAR 89 da DELMIRO FM, uma rótula com sinalização no pedaço é de suma urgência, urgentíssima. Com a palavra para a imprescindível solução do problema, a cobiçada Prefeitura de Paulo Afonso…

Paulo Afonso, as ruas da “frente e a de trás!”
Centro comercial, hoteleiro, gastronômico e turístico, a Avenida Getúlio Vargas no centro da cidade foi alcunhada no senso comum das antigas como “rua da frente”, e assim permanece até hoje citada por muitos conservadores da esperançosa terra da energia. Mas, como tudo na vida tem seu contraponto e sua polarização, a “rua de trás”, assim com o primo pobre, configura-se nos bolsões de pessoas menos favorecidas que se espraiam no campo e na cidade, alijadas dos parcos projetos econômicos e sociais do município e pela ausência de políticas públicas que poderiam melhorar, e muito, suas precárias condições de vida. Enquanto isso, a esperança dos que esperam, nas “ruas de trás”, em Paulo Afonso e alhures, é, lamentavelmente, pura utopia…

“Candidatos da Terra!”
Em certo programa de rádio local a honestidade dos candidatos aos legislativos estadual e federal de Paulo Afonso foi questionada por certo desacreditado “assassino” da língua portuguesa que não sabia, segundo sua verborragia, o que os mesmos aprontavam lá fora nas avenidas dos poderes em uma clara alusão aos que não rezam na cartilha dos seus interesses egocêntricos e pecuniários. Há pouco tempo, nos mesmos microfones, os referidos políticos eram ovacionados pelo ignaro apedeuta que excede o ápice da bajulação quando defende, no ar, seus patrocinadores políticos que estão no poder… Assim também é demais…

“Balaio, Um Programa Diferente, da DELMIRO FM,
Foi apresentado no último sábado nas instalações renovadas do HOTEL BELVEDERE onde intelectuais e pessoas do povo, ancoradas pela notável e eclética direção do evento, interagiram na busca do cada vez melhor na área do entretenimento musical, harm&o��������±6�� ��

“Somos todos iguais perante as leis, mas não para os encarregados de fazê-las cumprirmos!” Stanislaw Ponte Preta.

“Tragédia Anunciada!”
Essência artificial da quintessência da beleza natural do “Cannyon” do rio São Francisco, a sexagenária ponte D. Pedro II, agonizante, pede socorro. Sem estrutura e logística para o aproveitamento turístico do expoente cartão postal da cidade, em intenso tráfego leve e pesado, as pessoas arriscam suas vidas para a contemplação da obra de Deus e sua criatura, o homem, que requer manutenção urgente em suas partes metálicas e segurança para os transeuntes e turistas, haja vista a impressão do aumento de suas fendas para quem transita todos os dias, há muito tempo, sobre seu leito. Aliás, quando foi feita a última revisão da antiga construção que suscita o imperador? Até quando abusarão da imprudência e negligência administrativas?

“O Pica Pau!”!
Tempos atrás o Governo Municipal, ao vender o espaço para apresentação de bandas de forró ao lado do Ginásio de Esportes contribuiu sobremaneira para o corte de diversas árvores frondosas, ficando a área quase pelada. Recentemente, o atentado ao meio ambiente foi no Colégio João Bosco onde até o ipê amarelo em extinção não sobreviveu e nas árvores próximas ao apagado Parque de Exposições que deixou a entrada da cidade mais feia, e as pessoas sem sombra no sol escaldante de Paulo Afonso. A “síndrome do Pica Pau”, o anti herói dos desenhos animados que adora destruir as plantas, parece ter contagiado a Administração Municipal que, parece, faltar-lhe só a sarcástica gargalhada do predador, ora pois pois, como diz o gajo nas plagas lusitanas…

“Revoada”
Após as demissões voluntárias dos secretários Gilberto Sérgio, Jacques Fernandes e do diretor de Indústria e Comércio, Luís Valdélio, todos do mundo científico da renomada FASETE, além dos engenheiros Zorababel e Wilson Pereira, o Inferno de Dante, no figurado, parece conspirar contra o prefeito de Paulo Afonso que perde recursos humanos imprescindíveis para a Administração Municipal, e não consegue substituição à altura para minimizar as deficiências gritantes de sua questionada gestão que encontra-se no “purgatório” do poeta italiano e ainda não disse para que veio. O lenitivo do povo é que “temporal e guerra não duram para sempre”. A atual gestão também não…

E por falar no “O Inferno de Dante”,
A denúncia do Ministério Público, ação penal pública ajuizada pelo CAP (Núcleo de Investigação de Crimes atribuídos a Prefeitos), foi considerada procedente pelo Tribunal de Justiça da Bahia, possibilitando o processo judicial contra o prefeito de Paulo Afonso denunciado por crime de responsabilidade no favorecimento de R$ 723.250,00 a empresários do setor artístico, atropelando acintosamente a Lei 8.666/93, das Licitações, fato denunciado pelo site ozildoalves.com.br em setembro de 2011. “Quem muito faz e arrisca, um dia, felizmente, o demônio o petisca!”

Enfim… Juntos?
Em fim de carreira política pela ordem natural das coisas, o comunista/vereador Regivaldo Coriolano, segundo publicação de um site local, deverá apoiar o petista Paulo Rangel, aliado do seu histórico adversário Anilton Bastos, DEM/PDT, esquecendo-se de suas incoerências com o deputado estadual que o alijou do seu “projeto” político logo após ser reeleito para o Legislativo da Bahia, com sua relevante ajuda nas eleições de 2010. Certamente, na contramão de sua histórica coerência ideológica, ao se unir indiretamente ao prefeito de Paulo Afonso através de Rangel, Regivaldo jogará pela janela tudo que praticou em seus trinta anos de homem público. Sem dúvidas, nesta perspectiva eleitoreira e supostamente venal, o fim não coroará sua obra na Política…

“Loucos no Trânsito!”
Motoristas, caminhoneiros, pedestres, motociclistas, moto táxis, carroceiros e outros afins, em dias de sexta e sábado na Avenida Contorno e suas afluentes, sentem a confusão geral quando, sem fiscalização, a “lei De Gérson” impera no Trânsito em frente a cobertura VPI da feira, do ultrapassado CEAPA e dos mercados Santa Luzia e DM, todos querendo chegar primeiro na luta do dia a dia. Como sugerido por um ouvinte no programa RADAR 89 da DELMIRO FM, uma rótula com sinalização no pedaço é de suma urgência, urgentíssima. Com a palavra para a imprescind

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!