10 de agosto de 2022

Ex-pm e porteiro do hospital do BTN é preso por obrigar menor a fazer programas sexuais

Acusado de aliciar uma adolescente de 14 anos para prostituição, o porteiro Antônio Ribeiro da Silva, o “Tonho Fininho”, de 41 anos, foi preso, na terça-feira (28), por uma equipe da Delegacia Especial de Atendimento a Mulher (DEAM), de Paulo Afonso, que cumpriu mandado de prisão preventiva. Ele foi localizado na sua residência, no Centro da cidade.

As investigações começaram, no dia 17 de janeiro, quando a mãe da adolescente procurou a Delegacia Territorial (DT/Paulo Afonso) para denunciar o desaparecimento da filha. A gorota foi localizada na casa de uma amiga, no dia 20, naquele município, e conduzida à unidade policial. À delegada Lígia Nunes, que responde interinamente pela DEAM, ela disse ter sido obrigada pelo acusado a fazer programas sexuais com vários homens, sob ameaça de morte.

A adolescente disse também que “Tonho Fininho” cobrava R$ 80 por programa, dos quais ela recebia R$ 50. Ex-policial militar, Antônio é porteiro do Hospital Municipal de Paulo Afonso, no bairro Tancredo Neves. A delegada vai investigar se ele aliciou outras garotas para prostuição. “Tonho Fininho” está custodiado na Delegacia Territorial (DT/Paulo Afonso), onde permanecerá à disposição da Justiça.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!