3 de julho de 2022

Câmara de Vereadores de Paulo Afonso inicia programação do cinqüentenário

A Câmara Municipal de Paulo Afonso, sob a presidência do vereador Antônio Alexandre dos Santos iniciou, na Sessão Especial do dia 7 de abril, as comemorações so seu cinqüentenário.


 


Instalada neste município exatamente no dia 7 de abril de 1959, a primeira legislatura era formada por 8 vereadores dos quais cinco ainda estão vivos, quatro deles moram ainda em Paulo Afonso – Diogo Andrade Brito, José Rudival de Menezes, Manoel Pereira Neto e Lisette Alves dos Santos.


 


A primeira presidente da Câmara, Dinalva Simões Tourinho, mora em Salvador desde o final de 1959. Na sessão especial de 7 de abril de 2009, a Câmara recebeu Moções de Aplausos da Prefeitura de Paulo Afonso, do Deputado Federal Mário Negromonte e da Faculdade Sete de Setembro.  


 


O fato mais marcante desse evento foi a leitura da Ata de Fundação da Câmara, escrita de próprio punho pelo 1º Secretário de 1959, o ex-vereador Diogo Andrade de Brito e por ele lida (três páginas) sob muitos aplausos nesta Sessão Especial.


Em seguida o lúcido vereador fez um breve histórico deste Poder Legislativo, arrancando muitos risos e aplausos dos presentes. Além dele usaram a tribuna da Câmara o ex-presidente da Ângelo Carvalho e o Chefe do Gabinete do Prefeito de Paulo Afonso, Engenheiro Júnior Benzota. Todos os vereadores também usaram a tribuna em breves mensagens.


 


O vereador Aroldo Ferreira destacou a importância do ex-vereador Abel Barbosa e Silva e disse da sua alegria de “poder fazer parte do Poder Legislativo nesta Legislatura em que ele comemora 50 anos de muitas lutas”.


 


Marquinhos do Hospital também enfatizou a importância do ex-vereador Abel Barbosa, autor do Projeto de Lei que deu a emancipação política para Paulo Afonso e disse que “temos que continuar lutando para ajudar no desenvolvimento de nosso município”.


Gilson Fernandes destacou o trabalho dos pioneiros “esses vereadores dos primeiros e difíceis tempos devem ser lembrados com heróis pelo seu trabalho”.


 


Marcondes Francisco fez referência ao livro De pouso de boiadas a redenção do Nordeste, de autoria de Antônio Galdino e Sávio Mascarenhas, publicado com o patrocínio da Câmara de Vereadores quando ele era o seu presidente, em 1995 e que nas suas 240 páginas, 100 delas são dedicadas à história desta Câmara e prometeu “empenho junto ao Prefeito Anilton Bastos para que o Executivo Municipal patrocine a sua reedição, dada a sua grande importância como fonte de pesquisa sobre a história do nosso município desta Casa”.


 


Marcondes homenageou o vereador Paulo Sérgio “pela sua eleição para Presidente da Associação dos Vereadores do PP na Bahia”. Fez altos elogios ao ex-vereador Diogo Andrade Brito que disse ser “uma referência para todos nós vereadores de Paulo Afonso, e de forma especial para mim, eleito para a 6ª legislatura consecutiva nesta Casa”.


O vereador citou algumas das ações da Câmara, destacando “a luta deste Poder Legislativo para a permanência da 1ª Cia. de Infantaria e a criação do 20º Batalhão de Polícia Militar neste município”.


 


Regivaldo Coriolano também destacou a figura do “cidadão Diogo Andrade, ex-vereador desta Casa, que foi dirigente sindical onde viveu momento de muita luta, funcionário da Chesf e hoje, lúcido nos alegra com sua presença”.


 


Coriolano relacionou alguns dos importantes eventos dos quais a Câmara Municipal foi atuante protagonista: – luta pela permanência da 1ª Cia. de Infantaria; – contra a privatização da Chesf; – contra a privatização do Hospital da Chesf – HNAS; – em defesa do Rio São Francisco; – pela criação da Universidade do Sertão; – pela melhoria das BRs e Paz nas BRs., destacando que “muitas dessas lutas devem ser retomadas por esta Casa porque a população precisa de ações de um parlamento forte”.


 


O vereador Osildo Alves também fez referências elogiosas ao livro De pouso de boiadas a redenção do Nordeste mas focou a sua fala na necessidade da “Câmara atual voltar-se para a retomada de questões que andam meio esquecidas, como o CEFET, que era para ser instalado em 2008, estamos em 2009 e pouco se sabe sobre este assunto. E as nossas rodovias dentro do Estado da Bahia? Precisamos retomar essa luta. E a retomada dos vôos no nosso aeroporto? “

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!