6 de julho de 2022

Vereadores se reúnem com procurador e pedem explicações sobre o concurso

Na oportunidade, o procurador mostrou um documento a cada um dos vereadores com uma suposta irregularidade, falou sobre o andamento das investigações do concurso onde os mesmos fizeram vários questionamentos. Os vereadores pediram ainda para acompanhar de perto todo o processo de averiguação do concurso.


 


Após a reunião, os vereadores e o procurador foram ouvidos pela nossa reportagem:


 


Regivaldo Coriolano:


 


“O que foi mostrado aqui não caracteriza nenhuma possibilidade de anulação do concurso. O que foi mostrado me parece, por parte de um dos concursados uma ilegalidade que esse cidadão concursado deu uma informação que não está batendo com a questão da deficiência física, mas, não ficou caracterizada nenhuma gravidade de tamanho vulto que venha a inviabilizar o concurso. Ainda estão sendo feitas outras avaliações. Ele (Flávio Henrique) se compromete quando aprofundar as avaliações, passar para os vereadores. Nós já dissemos que queremos acompanhar de perto, porque também não vamos compactuar com irregularidades, sejam elas cometidas por quem quer que seja a minha posição é essa. Agora, vou continuar defendendo arduamente os concursados, porque entendo que não tem nada até o momento, que inviabilize o concurso público.”


 


Celso Brito:


 


“Olhe, a reunião foi bastante proveitosa num clima bastante amistoso, onde o procurador nos mostrou alguns fatos que ele considerava como irregularidades e nós vimos claramente que não havia nenhum caso de fraude no concurso. O que houve, o que foi mostrado pelo procurador, foi no caso de alguma pessoa que se inscreveu sem ser deficiente, essa pessoa se inscreveu como deficiente, ora se ela se inscreveu, ela que agiu de forma errada e com certeza não irá tomar posse. Então não houve fraude, se houve uma irregularidade nesse caso, foram alguns concursados que se inscreveram de forma indevida.”


 


Ozildo Alves:


 


“Olha, nessa reunião foi aplicado o princípio constitucional da transparência. Os vereadores de oposição, como eu fiz o convite e está aqui a promessa cumprida, acho que foi importante esse momento, já que no meu discurso eu disse que havia essa irregularidade, mas eu falei que tinha a boa notícia, que essa irregularidade podia ser sanada. O próprio procurador falou isso, eu coloquei isso no meu discurso e ele falou dessa situação para os vereadores que estão saindo hoje daqui satisfeitos. Os concursados podem ficar tranqüilos, eu acho que existe essa predisposição de não anular o concurso, em momento algum o procurador e o próprio prefeito falaram que iriam anular o concurso, não foi colocado isso. Portanto, os concursados podem ficar tranqüilos, a partir de agora todo esse processo terá o acompanhamento dos vereadores, o que é muito bom para fortalecer a democracia no nosso município.”


 


Flávio Henrique:


 


“Eu dei cópia de um documento que eu considero muito importante a cada um desses vereadores e até pelo teor das entrevistas que eu ouvir, eu acho que todos saíram convencidos de uma coisa. Existe irregularidade no concurso, a questão da responsabilidade, culpabilidade, a comissão não vai julgar ninguém. A comissão é de avaliação, é isso que nós estamos fazendo, vamos encaminhar a todas as autoridades competentes o resultado dessa avaliação, para que cada uma tome se achar necessário, as suas providências. Mas, eles viram que realmente, da forma que o concurso foi entregue, nós não podíamos convocar. Eu acho que o trabalho da comissão está mais do que justificado, não se encerrou, foi um caso, existem outras questões que a gente precisa elucidar para que a gente dê segurança a esses concursados, para o caso deles serem aprovados e a gente apare todas as arestas, eu tenho dito às pessoas que eu até compreendo a inquietação, a ansiedade que se cria em torno do assunto, principalmente com relação aos aprovados, mas, a gente precisa buscar garantir a este pleito o máximo de segurança, para que a administração e quem sabe os futuros convocados, não sofram, posterior a convocação, nenhum tipo de problema quando estiverem no serviço público municipal.”


 

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!