6 de julho de 2022

Bloco Camarão 30 anos de folia

A família camarão iniciou a sua formação em 15 de agosto de 1978 e o primeiro carnaval em 1979. O objetivo principal dos componentes era poder brincar durante os três dias da maior festa popular do país com brilho, alegria e muito samba no pé, anos mais tarde além da festa, o carnaval também teve o lado competitivo, onde eram escolhidos os melhores sambas, as melhores mortalhas, hoje abadás, entre outros.


 


O nome camarão surgiu devido ao grande sucesso da época que tinha a cachaça “Pitu”, que traz no seu rótulo um camarão e que era bastante consumida pela maioria dos componentes.


 


Fazendo um retrospecto dos 30 anos, o fundador e atual presidente do bloco, Luiz Carlos de Oliveira relembra dos grandes momentos que o carnaval teve nos anos 80 e 90, era como se tivéssemos várias escolas de samba, as pessoas esperavam com muito


entusiasmo os blocos nas ruas, as competições mexiam na adrenalina das pessoas, as mortalhas eram guardadas a sete chaves até o domingo de carnaval, pois eram esperadas com muita curiosidade, os ensaios eram escondidos, em fim tudo era feito


com muito detalhe. Hoje existem apenas sete blocos oficiais que tentam manter a história viva desta cultura popular.


 


A família camarão dedica este aniversário a todos que deram a sua contribuição durante esses 30 anos, entre eles Tavares, Edivaldo, Everaldo, Clênio, Antonio Carlos, Chicada, Luiz Barbosa, Valter e outros companheiros que tiveram a idéia e ousadia de colocar o camarão nas ruas. Não poderemos esquecer-nos do empresário


Jugurta do Ferrageiro, “os primeiros instrumentos do bloco foram feitos com a doação de chapas de zinco por ele”, lembra Luiz Carlos.


 


Outros empresários também serão lembrados durante a festa de aniversário no sábado de carnaval. Além dos amigos que colaboraram com o bloco, também vários ex componentes e atuais serão lembrados e homenageados, entre eles o grande no tamanho e na alegria, o Zelão, um filho admirável e obediente à família a que pertence.


 


O carnaval é uma festa popular e não pode ficar esquecida, ela tem que ser incentivada, sempre, pelo poder público e o comércio local. A família camarão tem crescido e contribuído na formação de vários músicos que hoje fazem o sucesso em bandas locais, a exemplo de George, Sidney, Geovani e Cássio, isso é um orgulho para nós.


 


 


Por Marcos Souza (Diretor Social)

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!

WhatsApp

Conteúdo 100% exclusivo e em primeira mão, que você só vê no PA4!