Jovem de 20 anos é suspeito de atropelar idosa ao empinar moto no centro de Paulo Afonso

Por REDAÇÃO - PA4.COM.BR | 28 de novembro de 2019 às 20:51

Cruzamento das Ruas Marieta Ferraz com Monsenhor Magalhães – Centro de Paulo Afonso (BA). Foto: Google Maps



 

 

Um jovem de 20 anos está sendo acusado de atingir uma idosa enquanto empinava uma moto na manhã desta quinta-feira (28) no Centro de Paulo Afonso. Segundo a Polícia Militar a mulher sofreu ferimentos leves.

 

O jovem identificado pelo nome de Erick Fernando da Silva Martins se apresentou na delegacia de Polícia Civil para adoção de medidas cabíveis.

 

Ainda de acordo com a PM, o acidente aconteceu por volta de 10h40 no cruzamento das Ruas Monsenhor Magalhães e Marieta Ferraz. A Polícia Militar foi chamada pelo Centro Integrado de Comunicações (Cicom) para averiguar o fato.

 

A idosa foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) com lesões corporais. Consta no boletim de ocorrência que foi mantido contato com a filha da vítima, uma policial, e a mãe do autor que se prontificou em ir até a sua residência, onde estava Erick para que ele se apresentasse na delegacia para prestar depoimento.

 

A polícia informou também que “o suspeito vinha conduzindo a sua moto, uma Honda CG 160 start 2019, cor vermelha, onde segundo populares, o mesmo estava empinando o seu veículo vindo a perder o controle e atropelar a vítima.”




 

15 pensamentos em “Jovem de 20 anos é suspeito de atropelar idosa ao empinar moto no centro de Paulo Afonso”

  1. O que mais se vê no centro a noite é isso, esses caras empinando em grupo e furando o sinal. Depois não querem que seja instalado mais pardais. Por mim colocava um desce em toda rua e sinal. Cadê que fazem isso na Apolônio Salles?

  2. Eu não sei para que serve a Guarda de trânsito de Paulo Afonso. Se fizerem uma blitz na Monsenhor Magalhães, iriam prender diversos motoqueiros que sobem a rua em alta velocidade. Mas eles ganham para ficarem sentados na sede, sem fazer absolutamente nada.

  3. Os comentários acima só atribuem a culpa as autoridades competentes. O que não se pode esquecer que antes de tudo, para que o fato ocorresse, algum pai ou mãe presenteou ou liberou a moto aos filhos, onde muitos deles nem habilitação possui. Um “NÃO” dito pelos pais salvará muitas vidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  • Telefone: 75 3281.9421
  • E-Mail: comercial@pa4.com.br
© 2015-2016. Todos os direitos reservados.