Ginecologista é suspeito de assediar 24 mulheres na Bahia

Por REDAÇÃO - PA4.COM.BR COM BAIANAFM | 14 de Maio de 2019 às 20:51




 

 

Um médico especializado em ginecologia e obstetrícia da cidade de Vitória da Conquista, no sudoeste do estado, é suspeito de assediar pelo menos 24 mulheres durante consultas nas redes pública e privada. Os abusos foram relatados primeiramente por meio de um perfil na rede social Instagram, criado por uma das vítimas na sexta (10). Ontem (13), as mulheres procuraram a Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para registrar as denúncias.

 

Em nota enviada ao Correio, a OAB diz que as 24 mulheres “solicitaram uma audiência com a diretoria da Ordem e com as Comissões da Mulher Advogada e dos Direitos da Mulher e, nessa ocasião, reivindicaram apoio e providências, a fim de que sejam adotados procedimentos de investigação acerca de notícias já veiculadas nas redes sociais”. Devido às publicações nas redes sociais, o caso também já é investigado pela Delegacia de Atendimento Especial à Mulher (Deam).

 

Os relatos publicados no perfil @diganaovca apontam que o médico Orcione Júnior teria tentado fazer com que as pacientes tocassem seu pênis, além de acariciar os seios e as partes íntimas delas.

 

A defesa do médico afirma que entrou com um pedido de liminar para retirar o perfil do ar. Para o advogado Paulo de Tarso, trata-se de um “linchamento virtual”.




 







Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  • Telefone: 75 3281.9421
  • E-Mail: comercial@pa4.com.br
© 2015-2016. Todos os direitos reservados.